Mãe, não quero ser engenheiro! Dilemas de carreira Outros Idiomas

ID:
10329
Resumo:
Este trabalho relata o caso de um profissional frente a dilemas de carreira, em meio a uma crise de identidade pessoal e profissional, após deixar de lado a carreira de engenheiro e passar a empreender outras atividades que, aparentemente, oferecem independência financeira, segurança e melhor qualidade de vida. Alguns anos após a formatura, o personagem percebe que a mudança na trajetória de carreira não lhe propiciou e nem propiciará os resultados que almejava. Pressionado pela idade e pela família, busca uma nova definição de sua carreira. Surge uma oportunidade para trabalhar como webmaster de uma provedora de internet. A decisão exige uma autoavaliação criteriosa sobre suas expectativas, interesses e preferências individuais. O caso explora os problemas enfrentados por aqueles que optam por carreiras em busca de melhor qualidade de vida e coerência com seus valores e princípios éticos e morais. Promove também uma discussão das crises de carreira, na perspectiva do indivíduo. Fatores como tipos psicológicos, âncoras de carreira, estágios da vida vocacional e ciclos típicos da trajetória de vida da pessoa, dentre outros, entrecruzam-se no processo de autoconhecimento, criando um cenário adequado para a discussão e encaminhamentos de soluções.
Citação ABNT:
COSTA, L. V.; VIEIRA, A. M. Mãe, não quero ser engenheiro! Dilemas de carreira. Revista Economia & Gestão, v. 13, n. 31, p. 182-200, 2013.
Citação APA:
Costa, L. V., & Vieira, A. M. (2013). Mãe, não quero ser engenheiro! Dilemas de carreira. Revista Economia & Gestão, 13(31), 182-200.
Link Permanente:
http://spell.org.br/documentos/ver/10329/mae--nao-quero-ser-engenheiro--dilemas-de-carreira/i/pt-br
Tipo de documento:
Caso de Ensino
Idioma:
Português
Referências:
ADLER, A. A Ciência da Natureza Humana. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1967.

CASADO, T. Tipos Psicológicos: Uma Proposta de Instrumento para Diagnóstico do Potencial Humano nas Organizações. São Paulo, 1998. Tese de Doutorado apresentada à FEA-USP.

DUTRA, J. S. Administração de Carreiras: Uma Proposta para Repensar a Gestão de Pessoas. São Paulo: Atlas, 1996.

IBARRA, H. Working identity: unconventional strategies for reinventing your career. Massachusetts: Harvard Business Scholl Press, 2003.

JUNG, C. G. Os Tipos Psicológicos. Rio de Janeiro: Zahar, 1967.

LONDON, M.; STUMPF, S. A. Managing careers. Reading, MA: Addison-Wesley, 1982.

SCHEIN, E. H. Career Anchors: Discovering Your Real Values. Amsterdam: Pfeiffer, 1993