O impacto do status no planejamento financeiro pessoal: estudo de caso com os advogados de Florianópolis, Santa Catarina Outros Idiomas

ID:
24336
Resumo:
Há uma crescente busca por status, poder, reconhecimento pessoal e sucesso profissional. O status representa a posição social de uma pessoa, respeito, admiração e aceitação percebidos através do outro, refletindo um estilo de vida centrado nos bens materiais e na aparência. Em algumas profissões, como com os advogados, percebe-se um elevado gasto salarial para manter e exibir uma imagem condizente, que quando não administrada por meio de um planejamento financeiro pessoal, causa graves problemas financeiros. O objetivo desta pesquisa é analisar o impacto do status no planejamento financeiro pessoal. Ela é qualitativa, descritiva e desenvolvida por um estudo de caso com os advogados de Florianópolis, Santa Catarina. Os dados foram coletados através de um questionário, buscando informações socioeconômicas e comportamentais do público-alvo. A amostra foi composta por 52 advogados. Como resultados, parte dos profissionais não consegue quitar seus gastos mensais e aumentam sua jornada de trabalho quando falta dinheiro, quase a metade possui empréstimos, a maioria controla seus gastos de forma ineficiente, poucos poupam, de maneira geral sentem-se respeitados pelo status conferido por bens materiais, praticamente todos acreditam que o dinheiro proporciona felicidade e que a aparência influencia no sucesso profissional e demostraram-se interessados em obter conhecimentos sobre Finanças Pessoais.
Citação ABNT:
VILAIN, J. S. B.; PEREIRA, M. F. O impacto do status no planejamento financeiro pessoal: estudo de caso com os advogados de Florianópolis, Santa Catarina. Revista Gestão & Planejamento, v. 14, n. 3, p. 470-488, 2013.
Citação APA:
Vilain, J. S. B., & Pereira, M. F. (2013). O impacto do status no planejamento financeiro pessoal: estudo de caso com os advogados de Florianópolis, Santa Catarina. Revista Gestão & Planejamento, 14(3), 470-488.
Link Permanente:
http://spell.org.br/documentos/ver/24336/o-impacto-do-status-no-planejamento-financeiro-pessoal--estudo-de-caso-com-os-advogados-de-florianopolis--santa-catarina/i/pt-br
Tipo de documento:
Artigo
Idioma:
Português
Referências:
BAUDRILLARD, Jean. A sociedade de consumo. Rio de Janeiro: Elfos; Lisboa: Edições 70, 1995.

BAUDRILLARD, Jean. Da sedução. 6. ed. Campinas: Papirus, 2006.

BAUMAN, Zygmunt. A arte da vida. Rio de Janeiro: Zahar, 2009.

BAUMAN, Zygmunt. Vida para consumo: a transformação das pessoas em mercadorias. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2008.

BOTTON, Alain de. Desejo de status. Rio de Janeiro: Rocco, 2005.

BRANDINI, V. Por uma etnografia das práticas de consumo. Comunicação, Mídia e Consumo, Brasil, v.3, n.9, p.153-169, mar., 2007. Disponível em: . Acesso em: 01 set 2011.

CERBASI, Gustavo Petrasunas. Casais inteligentes enriquecem juntos: finanças para casais. São Paulo: Gente, 2004.

DOUGLAS, Mary.; ISHERWOOD, Baron. The world of goods: towards an anthropology of consumption. New York: Routledge, 1979.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Miniaurélio: o minidicionário da língua portuguesa. 7.ed. Curitiba: Ed. Positivo, 2008.

GALIANI, Ferdinando. Da moeda. São Paulo: Musa Editora; Curitiba: Segesta, 2000.

KIYOSAKI, Robert T. Pai rico, pai pobre: o que os ricos ensinam a seus filhos sobre dinheiro. 64. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2000.

LIPOVETSKY, Gilles. O luxo eterno: da idade dos sagrados ao tempo das marcas. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

MACEDO JUNIOR, Jurandir Sell. A árvore do dinheiro: guia para cultivar sua independência financeira. 3.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007.

MALDONADO, Maura Carneiro; SALES, Gabriela Maroja Jales de; ALBUQUERQUE, Fábio Manoel Fernandes de. In: V ENEC Encontro Nacional de Estudos do Consumo / I Encontro Luso-Brasileiro de Estudos do Consumo. Desejos do luxo, possível prazer ou ostentação ofensiva? 2010. Disponível em http://estudosdoconsumo.com.br/wp-content/uploads/2010/09/1.4-_Maur...pdf. Acesso em: 23 set 2011.

MIRANDA, Ana Paula de. Consumo de moda: a relação pessoa-objeto. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008.

PEREIRA, Glória Maria Garcia. As personalidades do dinheiro: como lidar com o dinheiro de acordo com seu estilo pessoal. Rio de Janeiro: Elsevier, 2005.

PEREIRA, Luiz C. Bresser; A energia do dinheiro: como fazer dinheiro e desfrutar dele. Rio de Janeiro: Elsevier, 2003.

SOLOMON, Michael R. O Comportamento do consumidor: comprando, possuindo e sendo. 7. ed. Porto Alegre: Bookman, 2008.

STANLEY, Thomas J.; DANKO, William D. O milionário mora ao lado. São Paulo: Manole, 1999.

TRINDADE, Larissa de Lima. Determinantes da propensão ao endividamento: um estudo nas mulheres da mesorregião centro ocidental Rio-Grandense. 2009. Dissertação (Mestrado em Administração) Universidade Federal de Santa Maria, Rio Grande do Sul, 2009.

ZAREMBA, Victor. O milionário que existe em você. Rio de Janeiro: Record, 2000.